» esqueci a senha

Ainda não possui login? Cadastre-se.

notícias e artigos


Entrevistas de Desligamento oferecem a chance para mudar

publicada em 26/07/2010

    Altos gestores e executivos bem sucedidos sabem que o seu sucesso é o reflexo direto do sucesso da sua equipe. Eles não são apenas responsáveis pela contratação de seus empregados, mas também pelo constante treinamento e gestão, permitindo-lhes sucesso em seus papéis e crescer com a empresa. Portanto, não há nada mais difícil ou perturbador do que ter um de seus valiosos membros da equipe desligando-se. É particularmente difícil, se não existe uma compreensão do real motivo por que estão saindo.

    De acordo com a pesquisa conduzida pela LMA & Market Quantum Research, em 2009, 80% dos trabalhadores gostariam de avançar em suas carreiras com os seus empregadores atuais, mas 51% acreditam que terão que sair para alcançar os seus objetivos de carreira. Para reduzir este percentual, os líderes das empresas devem implementar um desligamento eficaz, um processo de entrevista para descobrir as causas por trás da rotatividade de pessoal.
    

     Uma entrevista de desligamento eficaz é um processo estruturado para ajudar a determinar as verdadeiras razões por trás do desprendimento de uma pessoa da empresa. O objetivo dos gestores é proporcionar às pessoas a oportunidade de dar uma resposta franca e honesta sobre temas a respeito da empresa, departamento, equipe, chefia, cultura corporativa e desenvolvimento de carreira.

     A estrutura e design das questões são vitais para o sucesso da entrevista. Um modelo deve ser criado com antecedência e, em seguida, ainda mais personalizado para indivíduos específicos baseados na saída voluntária versus involuntária, o seu papel, a antiguidade e outros fatores relevantes. Para aumentar o nível de conforto dos respondentes, a seqüência das perguntas deve mover-se da fácil a mais difícil. Este, é melhor alcançado através de perguntas abertas que buscam estimular a expressão e oferecer sugestões de melhoria.

     O fato de que as empresas não têm as respostas para as perguntas dos trabalhadores que estão partindo é, sem dúvida, um indicador de por que as pessoas tenham optado por deixar a organização. No entanto, como eles sabem que o feedback que os seus trabalhadores estão dando é aberto, honesto e imparcial? Para ser verdadeiramente eficaz, as entrevistas de desligamento devem ser conduzidas de forma imparcial, de preferência por um terceiro.

     Ainda assim, há um ponto a ser analisado, que a informação recolhida seja cuidadosamente monitorada, analisada e usada para criar recomendações para a mudança. Identificar tendências, incluindo alta rotatividade em alguns setores ou divisões, as questões de gestão e remuneração competitiva serão mais claras quando os resultados são tratados com a devida atenção.


     Muitas vezes, não há grandes custos associados à implementação de programas de entrevista de desligamento. Apesar disto, os executivos responsáveis precisam estar certos de que seu investimento é sabiamente gasto e vai produzir um retorno significativo para eles. Se realizada de forma eficaz, uma entrevista de desligamento irá exceder as expectativas de retorno sobre o investimento através da diminuição do Turn over e custos, além do aumento da eficiência.

 

     Em resumo, a gestão do processo pela pessoa certa, na hora certa, fazendo as perguntas certas, registrando as respostas e usando a informação para criar as mudanças necessárias, poderá converter as entrevistas de desligamento em uma das mais valiosas ferramentas de gerenciamento da sua empresa. Se a sua empresa ainda não possui um processo de entrevista de desligamento, tome as medidas hoje para fazer este processo crítico um sucesso.

« voltar
óbile ©